segunda-feira, 1 de julho de 2019

De 18 a 21 de julho Quixeramobim sediará disputa do título estadual de quadrilha junina 2019

As quadrilhas juninas vão disputar o título estadual de 2019
Quixeramobim será o palco do maior campeonato de quadrilhas juninas do Estado, o XXI Ceará Junino. Após 13 anos, a competição, reunindo vários grupos, retornará ao Interior. O tema deste ano será “O Sertão Vai Virar Mar, No Coração do Ceará”, referência a posição geográfica da cidade escolhida para o encerramento do festival.

De acordo com a Secretaria de Cultural do Ceará (Secult), os campeões das etapas regionais vão se encontrar de 18 a 21 de julho no arraial do Memorial Antonio Conselheiro, terra do mártir da Guerra de Canudos.

O XXI Ceará Junino é realizado pela Secult. Conta com a parceria do Instituto Assum Preto, instituição selecionada via edital para a realização de coprodução do evento em 2019, e o apoio cultural da Comissão Cearense de Folclore e do Fórum de Cultura Popular Tradicional e da prefeitura de Quixeramobim.

“Ao colocar em diálogo os diversos recantos do Ceará, a culminância do XXI Festejo Ceará Junino fará transbordar este sertão que sobrevive não apenas no meio rural, mas também nos centros urbanos, alimentando o imaginário das cidades grandes e pequenas”, destaca Fabiano Piúba, secretário da Cultura do Ceará.

Segundo o coordenador de Patrimônio e Memória da Secult, Alênio Carlos, os festejos juninos movimentam a economia nos municípios e mobilizam a população, contribuindo para a geração de emprego e renda, assim como para o fortalecimento da nossa identidade, para a continuidade da tradição e para que novas gerações se somem nessa manifestação.

“Valorizar os mestres das diversas linguagens e os modos de fazer associados ao ciclo junino vai possibilitar uma visão integral deste patrimônio que deve ser ainda mais difundido e valorizado”, avalia Adriano Souza,  produtor cultural e fundador do Instituto Assum Preto de Arte, Cultura, Cidadania e Meio Ambiente de Senador Pompeu. Fonte: Diário Sertão Central

Nenhum comentário:

Postar um comentário