segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Produtores de leite no Ceará solicitam auxílio do Governo do Estado para superar crise do setor

Produtores de leite do Ceará reivindicam melhorias
ao Governo do Estado para o setor   
O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (FAEC), Flávio Sabóia, acompanhado do presidente do Sindilaticínios, José Antunes Mota, e de outros produtores de leite, entregou uma carta de reivindicações ao governador Camilo Santana e ao secretário estadual da Fazenda Mauro Filho. Eles pedem auxílio para setor pecuário leiteiro. O encontro ocorreu em um almoço oficial, esta semana, na sede da Federação das Indústrias do Ceará (FIEC), explicou o presidente do SindRural de Quixeramobim, Cirilo Vidal, também presente ao evento.

Na oportunidade, os pecuaristas, produtores de leite no Estado ressaltaram que vêm enfrentando diversas crises. Além da estiagem prolongada pelos últimos seis anos, a crise econômica e política, além da entrada de leite em pó hidratado, de outros estados e do Mercosul, proporcionaram uma concorrência desleal. Por esses motivos, o setor, responsável por milhares de empregos no campo, reivindica mais atenção do Governo do Ceará.

Apesar das dificuldades, o representante do município maior  produtor do Estado, Quixeramobim,  Cirilo Vidal, destacou uma recente conquista para a sua região, a inauguração do novo laboratório de análise de qualidade do leite, o LabLeite, da Faculdade Tecnologia Centec (Fatec) Sertão Central. O LabLeite contribuirá para melhorar a qualidade da produção leiteira da região. Os serviços de análise serão iniciados em janeiro de 2019. Fonte: Blog Diário Sertão Central

Nenhum comentário:

Postar um comentário