terça-feira, 10 de julho de 2018

Fim do pagamento da conta de luz nas lotéricas gera transtorno para consumidores

Consumidor não poderá mais pagar conta da Enel em lotéricas
Localizado no Norte do Ceará, este Município, com cerca de 19 mil habitantes, passa por uma situação difícil no que diz respeito a transações bancárias. Desde que teve suas duas agências bancárias explodidas, em abril deste ano, a saída tem sido o deslocamento para outras cidades da região, o que tem gerado transtorno para muitos, como afirma a funcionária pública Jovelina Magalhães.

"Muita gente se desloca para Guaraciaba do Norte, a 35km, na Serra da Ibiapaba ou Varjota, em busca de resolver suas questões bancárias, correndo o risco de assaltos na estrada, além de enfrentar enormes filas", afirma, sobre um problema que pode se agravar depois que a Enel Distribuição Ceará informou que o pagamento de contas de energia elétrica não poderia mais ser feito nas lotéricas. A medida é motivada pelo fim do contrato de arrecadação da Caixa Econômica Federal com a Enel, devido ao reajuste de cerca de 40% proposto pela Caixa, na tarifa para receber as faturas em lotéricas, alega a Enel.

Nas cidades do Centro do Estado com menor infraestrutura, como Ibaretama, Ibicuitinga e Choró, os moradores também já começam a se preocupar com o pagamento das suas contas de energia elétrica. Não bastasse a dificuldade nos atendimentos de solicitação de serviços, feitos somente por meio de ligação telefônica, com o cancelamento do pagamento das contas nas lotéricas, vai ficar ainda mais difícil efetuar os pagamentos, gerando aumento de filas. Com informações DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário