sábado, 17 de fevereiro de 2018

Força-tarefa do Governo Federal para o Ceará só deve chegar em março

Um delegado federal de fora do Estado será o responsável por comandar a força-tarefa da Polícia Federal (PF) e da Polícia Judiciária da Força Nacional no Ceará. O grupo representa o reforço “imediato” anunciado pelo presidente Michel Temer (MDB), ainda em 30 de janeiro, três dias após a Chacina das Cajazeiras, quando 14 pessoas foram mortas durante uma festa, na Capital. A vinda dos policiais, porém, só deverá ocorrer em março.

Os agentes federais, que virão acompanhados também de policiais civis de outros estados, deverão atuar em conjunto com a Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Todos farão parte da chamada Operação Concórdia, o nome escolhido é uma referência à deusa romana da união. A atuação do grupo enfocará o combate ao crime organizado, reforçando ações de inteligência no Estado.  Com informações O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário