terça-feira, 30 de janeiro de 2018

III Festival de Cerveja atrai grande público ao parque do Rotary Club de Iguatu

Momento do evento no Rotary Club de Iguatu
“Um verdadeiro sucesso”. Foram com essas palavras que o presidente do Rotary Club de Iguatu, Vinicius Mendonça, definiu o III Festival de Cerveja realizado no último sábado, 20, no parque de ventos da entidade. A prova foi a presença de um grande público, composto por apreciadores e também daqueles sensibilizados pela causa do evento.

O propósito da ação foi de angariar fundos para subsidiar projetos já existentes e pôr em prática outros. Também criado com a finalidade de reunir pessoas que têm a estima por cervejas, o festival atraiu um público diferenciado que pôde se divertir, já que na região não existe nenhum evento semelhante, sendo exclusivo para maiores de 18 anos. De acordo com a organização foi registrado o público de quase mil pessoas.

Cerca de 600 canecas foram confeccionadas com material em porcelana no estado de São Paulo. Os recipientes personalizados com as logomarcas do evento e do Club de Rotary foram o ingresso do evento que contou ainda com um show ao vivo de Manuka e banda e do grupo Sensasamba. “Impecável o evento. Valeu a pena participar, ainda mais depois de saber que o valor arrecadado será destinado inicialmente para financiar projeto de alunos bolsistas”, disse Anderson Lavor, participante do festival.

Para custear despesas do festival, os rotarianos conseguiram ajuda da iniciativa privada do comércio local que associaram sua marca a ação. Todas as canecas foram vendidas mobilizando os todos os membros do club, que as comercializaram envolvendo a cidade. “Apesar de trabalharmos em prol do evento somente um pouco mais de três meses. Deu tudo certo. Infelizmente o projeto não é alto suficiente, com ajuda dos patrocinadores do evento conseguimos uma aumento de significativo em relação a segunda edição do Festival.  Isso só foi possível devido ao engajamento de todos os companheiros e patrocinadores”, afirmou o rotariano Edney Rolim à frente da organização do festival.

O volume de recursos captados obteve um aumento em 30 % em relação ao festival do ano passado. “Nossa pretensão é tornar o festival auto suficiente, e para isso nossa meta será comercializar mil canecas. Será uma missão que levaremos a plenária”, adiantou Edney.   

De acordo com Vinicius, o Rotary cumpriu com sua essência, o de ser um presente para o mundo. “A ação e seu sucesso se devem a coragem e determinação. Provamos que qualquer componente é capaz de mudar o rumo de um club, no nosso caso, para melhor”, disse o presidente. 

Saiba mais

No projeto de Bolsas de Ensino Médio assumido pelo Rotary Club de Iguatu, as mensalidades de todos os alunos são custeadas pelas instituições de ensino particulares parceiras da cidade: escola Modelo de Iguatu e colégio Pólos. Porém, o Rotary teve o compromisso de bancar o material de estudo (apostila, livros, etc) e fardamento escolar dos agora 12 alunos beneficiados, numa soma que chegou aos 24 mil reais. O evento arrecadou 70 % do montante. Com informações para a imprensa, ​Thiedo Henrique

Nenhum comentário:

Postar um comentário