terça-feira, 31 de outubro de 2017

Prefeito de Iguatu Ednaldo Lavor assina termo de adesão ao Selo UNICEF

Ednaldo Lavor ao lado do governador Camilo Santana 
O prefeito Ednaldo Lavor assinou o termo de adesão que oficializa a participação de Iguatu na conquista do Selo UNICEF – Edição 2017/2020. Para ele, a pretensão por esse reconhecimento é um compromisso de governo. “Iguatu já desenvolve uma série de programas e projetos voltados para a criança e o adolescente. Essa é uma oportunidade para mostrarmos esse conjunto de ações desenvolvidas nas mais diversas áreas do município”, disse.

O gestor municipal destacou algumas ações desenvolvidas que contribuem para a garantia dos direitos das crianças e adolescentes, a exemplo da implantação do Comitê Municipal de Mortalidade Infantil; da participação do município no Comitê Regional da Mortalidade Infantil; da reestruturação da ala pediátrica do HRI com Enfermeiros 24 h e médicos pediatras; das oficinas de atualização em Saúde da criança e do recém-nascido; da realização da Semana do Aleitamento Materno; da Prática do Parto Humanizado; da realização da Semana do Bebê; do Festival da Criança; da criação de Creches em Tempo Integral, entre outras ações.

Cida conta com ações práticas para essa grande conquista
(Foto: Assessoria da PMI)
A Articuladora Municipal do Selo Unicef e Secretária de Tecnologia, Ciências e Ensino Superior, Cida Albuquerque, lembra que a adesão simboliza a dedicação empreendida pela gestão ao trabalhar na promoção e na garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes de Iguatu, destacando a importância de cuidar bem de todos eles. “É importante mantermos de maneira adequada as nossas políticas educacionais, de esporte, de lazer, de cultura a proteção social dessas crianças para que elas possam crescer em um ambiente saudável e com futuro promissor”, disse a articuladora.

O Selo UNICEF é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para estimular os municípios a implementar políticas públicas com o objetivo de reduzir as desigualdades e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). 
Com informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Iguatu

Nenhum comentário:

Postar um comentário